quinta-feira, 22 de abril de 2010

O grande dia bem sucedido

I'm back! Finalmente, depois de 48h sem meu amado notebook eu já estava para pirar de tanto ficar reclusa no quarto com meus mantimentos únicos: água e bíblia. Ah hum vamos lá, não foi bem assim, exagerei um pouco na minha ficção...na verdade, fui muito bem cuidada pela mamãe, sempre me dando papinha na boquinha rs rs rs

Mas o meu paladar está diferente, irreconhecível. Não reconheço mais doces e chocolates. Efeito de anestesia e antibiótico. Até quando isso vai durar...

O meu primeiro dia foi uma aventura e tanto. Diferente de todos, do dia em que escalei a Pedra da Gávea, do dia que fiz meu primeiro mergulho ao fundo do mar.

Toda dopada, com a cabeça no mundo da lua, permaneci concentrada na cirurgia, mesmo com a pomada insistindo em fechar minhas pálbebras, senti tudo. Totalmente. Claro, sem nenhuma dor. Até depois de eles me anestesiarem pela veia, senti um "cortezinho" na minha pele, atrás da orelha. Raspando um pedaço do meu couro cabeludo. Mexe ali, mexe cá. Eu, ali acordada, acompanhando tudo o que estava acontecendo, mesmo de olhos fechados e de língua feita de pedra seca.  Parece que houve um pequeno "terremoto". Não, não era, sim o otocirurgião raspando o meu osso! eca!

Por um momento, também senti algum objeto estranhamente sendo inserido para dentro do meu couro cabeludo, tinha até esquecido o que era, mas me relembrei que era cirurgia para colocação de implante. Íncrivel como a anestesia me fez esquecer o que estava fazendo ali. Então vai aí, colocando o "chip", marcando o momento da transição da minha vida para fase biônica. E, tiririririririrlim! após o teste de som realizado pelo otocirurgião, ouvi! ouvi sons! queria sorrir, mas estava tão paralisada, tão dopada que nem dava para exprimir minhas emoções, meu rosto devia estar sem expressão naquele momento, mas por dentro eu estava pulando de felicidade!

Eram os eletrodos mandando mensagem para o nervo auditivo, fazendo papel de penetra, ou seja, subtituindo o meu pequeno órgão lesado : a cóclea....

depois conto mais!!! =))))))

4 comentários:

carol disse...

oiee primuxa......
muito feliz e emocionada...... parabens por mais essa consquita sua.... e nos matenha informada de td, e qd ja puder falar ao telefone me ligue....
beijos de sua prima que muito te ama e te deseja td sucesso nesta nova etapa de sua vida.
com carinho e amor
Carol

rvieira disse...

Nossa Danny que emoçao :-) Estou aqui torcendo por vc, e orando para sua recuperaçao total!!
Bjs enormes,

Raquel, Ana Leticia, Rebeca e Julia

Roner Dawson disse...

caramba, dona Dani Guidugli!!
O que eu andei perdendo me ausentando por um tempo do universo coclear... que descricoes fantasticas da cirurgia do IC!!!
Parabens!!

Anônimo disse...

Olá Danny.

Não entendi, você ficou acordada durante o implante coclear?
Se a anestesia pra este tipo de cirurgia é geral, vc fica praticamente morta pois fica entubada respirando por aparelhos, do jeito que vc descreveu parece que vc estava bem viva e acordada, logo vc nao teria tomado anestesia geral...desculpe mas não entendi....

Postar um comentário